Casa Jatobás por Larissa Carbone

Casa Jatobás por Larissa Carbone

Morar bem é viver com conforto, sentir-se acolhido, desfrutar de iluminação natural e habitar um espaço organizado e com todas as comodidades que a vida moderna pode oferecer, sem abrir mão das referências afetivas, culturais e das nossas raízes.
Ao projetar esta residência no Condomínio Jatobás tudo isso estava bem definido nas exigências do cliente, uma família que realmente pretende viver a casa e que gosta de receber hóspedes.


Essa convivência guiou a proposta arquitetônica, onde tudo foi pensado para manter as pessoas juntas, em espaços interligados até mesmo na varanda que alinha todos os ambientes de convívio social: sala de jantar, estar, cozinha, espaço gourmet, salão de jogos e sala de TV.
Os espaços sociais ficaram então voltados para um grande jardim ao fundo, que tem também a função de grarantir a segurança e privacidade.
O terreno em aclive sugeria o alinhamento da construção em dois pavimentos, mas a união de dois lotes permitiu uma melhor acomodação do programa todo em um único pavimento, deixando o pavimento inferior somente para acesso social, suíte de hóspedes, e garagem para visitantes, que também se repete no pavimento superior com acesso por meio de uma rampa lateral.


Um jardim de inverno junto à área social se interliga a circulação íntima para um acesso rápido e permite uma ventilação cruzada entre área íntima e social.
As portas de vidro podem ser abertas e embutidas em paredes de concreto de um jeito que todos os ambientes interligados podem ser transformar em uma única grande varanda aberta para o jardim.
A utilização de materiais que transmitem uma linguagem contemporânea solucionou a composição entre volumes e a estética desejada – concreto, vidro, pedra e madeira.


Algumas características que valem ser lembradas são a implantação de um elevador para o acesso dos dois pavimentos e o uso da estrutura de concreto com pérgolas de madeira no jardim de inverno e na frente da cozinha, se contrastam dando elegância e leveza ao volume nas aberturas para ventilação.
Ao final o que temos em mãos é muito mais que o projeto de uma residência, é um projeto de qualidade de vida.

Share This

Leave a Comment